Arquivo

Archive for 05/03/2011

RELACIONAR, em 10 dicas

1. Respeite a individualidade do outro. Não o pressione a ser do jeito que você acha que ele tem que ser. Incentve-o sempre que demonstrar esforço para aperfeiçoar-se.

2. Emita opiniões seguras, sensatas e convincentes, com fatos e dados, sem agressividade. Se não tiver bom conhecimento do assunto é melhor não opinar.

3. Lembre-se de não aparentar um “ar de superioridade ou de inferioridade” como resultado de uma doentia medição de forças com o outro a cada encontro.

4. Aproxime-se do outro buscando um clima de informalidade e amizade respeitosas. Não iniba as pessoas.

5. Cobre e exija menos do outro. Identifique nele qualidades e mencione-as a ele e a outros.

6. Interaja naturalmente, sem a preocupação de contar ao outro virtudes ou defeitos próprios. Deixe que ele perceba por si mesmo e tenha liberdade de contar a você.

7. Ouça mais o outro e reflita melhor sobre suas idéias e opiniões. Seja mais flexível e aberto a mudanças.

8. Notabilize-se pelo equilíbrio entre razão e emoção. Não seja exageradamente racional, nem  exageradamente sentimental.

9. Acredite mais no valor individual do outro e naquilo que tem a oferecer.

10. Realize mais e critique menos.

PRC/2002

Religião e Evangelho

Após ouvir um sermão missionário, um homem disse ao pastor:

“– Não consigo entender. A gente ouve dizer que o Brasil acolhe muitas religiões, que é um país extremamente religioso. Por que, então, introduzir mais uma religião, aumentando ainda mais a confusão? Será que já não temos religião que chega?” O pastor respondeu:

“– Amigo, eu não ligo para RELIGIÃO, mas me interesso profundamente pela divulgação do EVANGELHO. Há uma enorme diferença entre as duas coisas:

A RELIGIÃO é obra do homem; o EVANGELHO nos foi dado por Deus.

A RELIGIÃO é o que o homem faz por Deus; o EVANGELHO é o que Deus faz pelo homem.

A RELIGIÃO é o homem em busca de Deus; o EVANGELHO é Deus buscando o homem.

A RELIGIÃO é o homem tentando subir a escada da sua própria justiça, na esperança de encontrar-se com Deus no último degrau; o EVANGELHO é Deus descendo a escada da encarnação de Jesus Cristo e encontrando-se conosco, na condição de pecadores.

A RELIGIÃO tem bons pontos de vista; o EVANGELHO, boas novas.

A RELIGIÃO traz bons conselhos; o EVANGELHO, uma gloriosa proclamação.

A RELIGIÃO termina com uma reforma exterior; o EVANGELHO termina com uma reforma interior.

A RELIGIÃO pinta de cal branca o túmulo de nossas vidas; o EVANGELHO purifica nosso interior e produz vida abundante.

A RELIGIÃO muitas vezes se torna uma farsa; o EVANGELHO é sempre uma força, o poder de Deus para a salvação de todo aquele que nele crê (Romanos 1.16).

Há muitas RELIGIÕES, mas apenas um EVANGELHO!”

(Toni Masumeci – Adaptado por mim)

Calendário Luz e Vida – 2004

%d blogueiros gostam disto: